“Depois da bonança... a tempestade”. Dívidas se acumulam e multas se sucedem. Hospital conveniado não recebe a 4 meses.


Prefeito_de_Nobres_no_telo_640x460Por: Ditão - Tb de Nobres.

O prefeito José Carlos da Silva parece não se atentar para os riscos que corre e ainda se utiliza do expediente de tentar atirar a culpa sobre os ombros dos outros, preferindo se apegar à liturgia do cargo e deixar aos outros os ônus de uma má gestão administrativa que acaba se espraiando para a comunidade. Até porque, governa com dinheiro do povo e não tem sabido aplicar os recursos que estão sob sua tutela. 

(Foto/site/Prefeitura/divulgação:Aparato de campanha política em frente ao Parlamento - prefeito no telão).
Primeiro, atirou a culpa em Neko e Evandro, seus mentores políticos em 2008. De acordo com Zé Carlos, ambos atrapalhariam ele governar. Depois, armou aquele circo se utilizando da inocência dos vereadores para armar aparato de campanha política em frente ao Parlamento e lá dentro. Em seguida, diz publicamente que o seu governo mudou para melhor. Mais adiante, volta a pisar no tomate e erra feio com o concurso público sem obedecer a prazos limites, para depois, atirar a culpa nos outros, nos seus adversários políticos.
Mas a cronologia dos erros do governo não tem data para acabar e vem o aniversário da cidade, entre 27 de abril a 01 de maio, com dezenas de cartazes gigantes espalhados pelas cercanias de Nobres e até em Cuiabá, com o anúncio de um pacote de shows, mas erra feio novamente ao não cumprir com normas técnicas de segurança e recebe um "não" com sentença judicial prolatada pelo magistrado Ângelo Judai Júnior, de Rosário Oeste. A Banda Anjos de Resgate teve o show cancelado, que seria realizado em 27 de abril. E tome culpa na oposição.
Um erro dos mais graves do atual governo foi cometido pelo secretário de Finanças, o homem forte do governo, quando ele e o prefeito José Carlos da Silva estiveram na redação deste jornal em visita de cortesia e na oportunidade Valdinei Sergio Muniz Albertoni revelou um segredo, disse que Adão seria o melhor vereador para Nobres: "Não custa nada e não mente, dizendo que está tudo bem". Isso realmente soou como um menosprezo aos demais vereadores.
Poderia estar pior se o secretário de Finanças acompanhasse a cabeça do prefeito e fizesse tudo que ele mandasse. Mas Valdinei até que tenta corrigir os erros do chefe de governo e do seu guru, o chefe do gabinete institucional do Executivo.
Infelizmente, o hospital conveniado, que dá uma força danada ao sistema público de saúde, está há quatro meses sem receber e já não há mais como esperar pela boa vontade do governo. A empresa de coleta de lixo estaria sem receber, a que atua na zona rural na coleta de lixo também estaria sem receber.
E por último, segundo publica o site Agitos Nobres, o prefeito José Carlos da Silva está às voltas com mais uma representação que pode custar caro ao governante de plantão. "A Prefeitura Municipal de Nobres acaba de receber mais uma representação do TCE em relação ao GEO-OBRAS", diz o site.
"Mas, dessa vez não irá ficar só em uma representação, o TCE irá julgar essas contas do prefeito municipal neste mês, se não for aprovada, o mesmo não poderá sair candidato à prefeito nas eleições de 2012, pois poderá ser ficha suja", alerta a notícia naquele sítio noticioso.
E o prefeito municipal de Nobres, José Carlos, foi multado em 920 UPF'S MT, o equivalente a R$ 35.880.00. Segundo o prefeito, em visita a redação deste periódico, está parcelando todas as multas e nós é que mentimos ao lançar dúvidas sobre como tem conseguido parcelar e pagar todas essas multas.
Veja o que está no complemento da matéria no sítio Agitos Nobres:
PROCESSO Nº 24.514-3/2010
INTERESSADO(A) PREFEITURA MUNICIPAL DE NOBRES
GESTOR(A) JOSÉ CARLOS DA SILVA
ASSUNTO REPRESENTAÇÃO INTERNA REFERENTE A INDÍCIOS DE IRREGULARIDADES NO ENVIO DE INFORMAÇÕES AO SISTEMA GEO-OBRAS RELATIVO AO 2° QUADRIMESTRE/2010
(...)
Face ao exposto, acolho o Parecer Ministerial nº 1945/2011 da lavra do D. Procurador de Contas Dr. Getúlio Velasco Moreira Filho, conheço da vertente representação protocolada em desfavor do Sr. José Carlos da Silva, Prefeito de Nobres, e no mérito, com fulcro no artigo 90, V do RITCE/MT julgo-a procedente em decorrência das irregularidades constatadas referentes ao não envio dos dados relativos ao Sistema Geo Obras...
Share on Google Plus

Assuntos Relacionados

0 comentários :

Postar um comentário

Deixe seu Comentario