Presidente da camara vereador Benvindo é contra viagem do prefeito Joemil Araujo por questões pessoais!

A viagem do prefeito de Rosário Oeste Dr. Joemil Araujo, juntamente com a primeira dama Sra. Jariuce, Padre Agenor e o Sr. Gabriel Schaffer para o exterior marcada para  o dia 28 de maio(segunda-feira) não foi autorizada, pela Câmara dos Vereadores, na sessão desta sexta(25), por que o presidente daquela casa de leis, vereador Benvindo Pereira de Almeida, não colocou em pauta para discussão e votação o requerimento do prefeito, pedindo autorização para a viagem, inviabilizando, assim, o encontro da comitiva da prefeitura de Rosário Oeste com o Frei Eraldo, na Alemanha.

Inicialmente, segundo o presidente da câmara, vereador Benvindo, o afastamento do prefeito seria de 30 dias, entretanto, o prefeito Joemil Araujo retirou o requerimento inicial para 30 dias e protocolou um novo pedido para apenas 21 dias, que também fora retirado. Um terceiro requerimento foi encaminhado, para 18 dias e também retirado. Por fim, no dia 24(quinta), foi protocolado um novo e último requerimento, desta vez para apenas 10 dias.

Segundo o  presidente Benvindo, este requerimento não estava no prazo legal de 48 horas para ser colocado em votação e foi encaminhado  à assessoria jurídica daquela Casa de Leis para análise.

Caso o prefeito Joemil Araujo, segundo o vereador Benvindo, insista em viajar na data marcada, sem autorização da Câmara, perderá o mandato automaticamente, tendo em vista que o gestor municipal não pode viajar para o exterior, nem por 01 dia sequer, sem autorização da câmara, diferentemente de qualquer deslocamento no país, que pode ser de até 15 dias, sem precisar comunicar e pedir autorização à câmara dos vereadores.

Os vereadores Paulo Augusto, Assunção, Mary Borges, Jair, Miguelito, Valdo, Acácio e Junior, deixaram registrado que são favoráveis à viagem do prefeito, apenas não tiveram a oportunidade para votar e aprovar o requerimento.

O presidente da Câmara, vereador Benvindo, assumiu a responsabilidade pelo ato, causando muita indignação e revolta nos cidadãos presentes e mesmo dos demais edis.

Caso a viagem não se concretize, lamentavelmente,  Rosário Oeste perderá uma importante oportunidade na sua história, deixando de receber o acervo preparado pelo Frei Eraldo, frustrando uma grande expectativa de ambas as partes.

Questões e vaidades pessoais por parte do vereador e presidente da câmara Benvindo Pereira de Almeida, teria motivado a atitude deste, uma vez que ele teria deixado bem claro para o prefeito Joemil Araujo que o afastamento teria que ser de 30 dias, o que não foi aceito pelo gestor municipal.

A sessão teve cobertura das TV ROSÁRIO, TV BRILHANTE e site AGITOS ROSÁRIO, e começou com 45 minutos de atraso, tendo em vista que os vereadores
favoráveis à viagem do prefeito, não queriam entrar no plenário, pois já tinham conhecimento da lamentavel atitude do presidente Benvindo.


Aguarda-se um novo posicionamento por parte do presidente Benvindo, caso este reveja sua atitude, com uma convocação para uma reunião "extraordinária" na segunda(28) de manhã, para votação e autorização do pedido de afastamento, o que ainda daria para consertar o estrago, pois a viagem está marcada para as 14:00 hs do dia 28.

Por: redação Agitos
Share on Google Plus

Assuntos Relacionados

0 comentários :

Postar um comentário

Deixe seu Comentario