Silval rebate Riva e afirma que faz reforma a seu modo.


O governador Silval Barbosa (PMDB) rebateu as críticas do presidente da Assembleia Legislativa, José Riva (PSD), que voltou a cobrar uma reforma administrativa e criticou a atuação do secretariado. 

“Todo o nosso planejamento está sendo feito com muito critério, em todas as áreas. Agora, cada um planeje o seu canto. Eu estou fazendo o meu planejamento do Estado, e muito seguro do que eu estou fazendo”, disse o governador.


Na semana passada, Riva havia apontado que o alto custo da atividade administrativa engessa os investimentos do Estado, e citou como exemplo a folha de pagamento da Saúde, que é de R$ 426 milhões.


“Tem que mostrar para a sociedade que o Governo está fazendo a parte dele, reduzindo o custo da atividade meio para poder investir mais na ponta, no cidadão. O cidadão está pagando imposto para o Estado pagar folha de funcionários. Isso quer dizer uma coisa: zero de investimento”, disse o deputado, durante almoço com jornalistas.


Riva ainda opinou que é necessário fazer uma reforma para reduzir o tamanho da máquina, e criticou o desmembramento e a criação de novas secretarias.
Silval, por sua vez, afirmou que o Governo do Estado está, sim, cortando custos e, dessa forma, conseguindo liberar recursos para viabilizar investimentos.


“Estou acabando com todos aqueles contratos de terceirizados. Já tiramos mais de 1,8 mil [funcionários terceirizados]. Ajuste, onde precisa ser feito, eu estou fazendo”, garantiu o governador.


O chefe do Executivo disse, ainda, que buscou formas alternativas de fazer investimentos no Estado. “Já temos uma PPP [Parceira Público-Privada] em andamento, na área de presídios”, informou.


Ele afirmou que, com as medidas de contenção de gastos já tomadas, o Governo está em condições de investir de forma significativa no Estado.


“Já aumentamos o efetivo na Segurança Pública, e temos o planejamento de contratar mais 4 mil policiais. Estamos organizando para que a Unemat [Universidade do Estado de Mato Grosso] chegue em todos os municípios na região metropolitana. Com relação às estradas, já licitamos toda a recuperação desses asfaltos velhos, que estão sem manutenção há mais de 25 anos”, completou o governador. 


Do Mídia News
Share on Google Plus

Assuntos Relacionados

0 comentários :

Postar um comentário

Deixe seu Comentario