Trabalho escravo em Mato Grosso

Mato Grosso continua a fazer feio quando o assunto é trabalho escravo. Levantamento feio pela Comissão Pastoral da Terra indica um registro impressionante: de 1995 a 2008, último ano pesquisado, 42 mil brasileiros foram libertados da escravidão. Em apenas cinco Estados a comissão não encontrou o problema. Decorridos 124 anos da Abolição da Escravatura, a senzala foi substituída pelos "barracões", onde trabalhadores se amontoam e são explorados, geralmente, em fazendas.

Mato Grosso e Pará são os líderes na ilegalidade - inclusive com ocorrências envolvendo "figurões" do agronegócio. Lamentável...



Por: Midia News
Share on Google Plus

Assuntos Relacionados

0 comentários :

Postar um comentário

Deixe seu Comentario