Secopa dá prazo de 20 dias para acelerar obras de viadutos

Dentro de 20 dias, a população poderá notar mais rapidez no andamento das obras das trincheiras que estão sendo construídas ao longo da Avenida Miguel Sutil.

Pelo menos, essa é a promessa feita pelo secretário-adjunto de Infraestrutura da Secretaria Extraordinária da Copa do Mundo (Secopa), Marcelo Oliveira, que justificou a lentidão nas escavações pela existência de muitas interferências nos locais das obras, como adutoras de captação de água, tubulações de esgoto e caixas com cabos de energia e fibra óptica.

Segundo Oliveira, todas as redes encontradas deverão ser remanejadas, a exemplo do que ocorreu com os postes de energia, que precisaram ser deslocados, tarefa que já está quase concluída por parte da Rede Cemat.

Com o remanejamento dos cabos e tubos, a fase de dificuldades terá passado, conforme o secretário.

"As principais interferências nas obras estão sendo resolvidas e, em breve, poderemos estender as jornadas de trabalho", disse Marcelo.

Trincheiras

De acordo com o balanço divulgado pela Secopa, as trincheiras do Verdão, Santa Rosa, Jurumirim e Ciríaco Cândia, que estão sendo construídas ao longo da Perimetral, já apresentam escavações profundas, e algumas já estão na fase de construção de muros de contenção e realização de obras de drenagem.

Todas essas obras de mobilidade urbana deverão ser entregues até o final de 2013 e têm por objetivo readequar o trânsito da Capital, garantindo um melhor fluxo de veículos e diminuindo o número de acidentes nessas regiões.

As obras de trincheira consistem no alargamento das duas pistas já existentes, que serão usadas para darem acesso aos bairros.

A nova pista que será construída no centro da via irá fazer um “mergulho”, passando sob as rotatórias já existentes, subindo novamente, em seguida, até volta ao nível normal da pista.

Segundo o secretário da Copa, Maurício Guimarães, tudo está andando conforme o planejado e seguindo o cronograma da pasta.

No próximo mês, mais quatro obras que foram licitadas juntamente com as obras do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) deverão ter início em outras principais vias de Cuiabá.

“O cronograma das obras das trincheiras e dos preparativos para o VLT está dentro do estipulado pela secretaria juntamente com os consórcios. Os avanços nas operações estão acontecendo por toda a extensão da Avenida Miguel Sutil e com o início do VLT se estenderá nas avenidas Fernando Correa, FEB e Historiador Rubens de Mendonça", afirmou Guimarães.

Trincheira Mário Andreazza

A trincheira Mário Andreazza, que está sendo construída no cruzamento das avenidas Miguel Sutil e Ciríaco Cândia, nos bairros Santa Isabel e Cidade Verde, faz parte do "Plano B" de locomoção entre aeroporto-arena e aeroporto-rede hoteleira.

A fase de drenagem está praticamente concluída e, agora, as obras se concentram na construção do muro de arrimo e continuação das escavações. A conclusão dessa trincheira está prevista para o início de 2013.

Trincheira Verdão

As escavações nas imediações da rotatória do bairro Santa Isabel continuam. Com 460 metros de extensão, a interdição é necessária para a edificação do primeiro trecho da construção da trincheira.

Após essa fase, as obras terão continuidade ao longo da Miguel Sutil.

Trincheira Santa Rosa

A implantação desta trincheira visa à revitalização do fluxo de trânsito de diversos bairros da capital, entre eles Goiabeiras e Santa Rosa.

Essa obra terá 520 metros de extensão e deverá ficar pronta em 12 meses.

Trincheira Jurumirim/Trabalhadores

A obra da construção dessa trincheira servirá, segundo a Secopa, para aliviar o trânsito na Avenida Miguel Sutil, eliminando dois pontos críticos de congestionamento nas rotatórias das avenidas Jurumirim e Dante de Oliveira.

Nos dois trechos interditados, as escavações e a construção do muro de contenção avançam no trecho correspondente da entrada do Jardim Leblon até a rotatória da Avenida dos Trabalhadores.

As escavações já estão próximas de seis metros de profundidade e o muro de contenção já está na segunda fase.
Share on Google Plus

Assuntos Relacionados

0 comentários :

Postar um comentário

Deixe seu Comentario