Ruas e avenidas começam a ser recuperadas na cidade de Nobres

Conforme planejamento, as ruas e avenidas dos bairros e da área central da cidade começam a ser recuperadas. Na manhã de hoje (11/06), o secretário municipal de Infraestrutura, Júlio Antonio de Moraes, acompanhou os trabalhos de perto a partir do bairro Jardim Carolina, que está sendo patrolado e em determinadas partes recebe cascalhamento.
A avenida Getúlio Vargas, motivo de muitas reclamações na rede social, está sendo recuperada com tapa-buracos que vem sendo executado pela própria prefeitura após a avaliação de preços por processo licitatório que não agradaram ao governo. Coordenado pelo servidor Carlão, a operação tapa-buracos deve prosseguir por um período aproximado de 70 dias e deve ocorrer em todas as ruas pavimentadas da cidade que apresentem problemas. Para o secretário Júlio Antonio de Moraes, o mais importante é que o prefeito Gilmarzinho da Ecoplan tem atendido os reclames da população e do próprio setor de infraestrutura com as máquinas e caminhões que estão disponibilizados para a prestação de serviço ao público.
É necessário evidenciar que não decorreram nem três meses completos desde o último mutirão de limpeza urbana e eis que a cidade já está tomada de entulhos à margem das ruas. Essa postura, de alguns moradores contribui para o estabelecimento de um panorama horrível na cidade, que ainda está longe de um padrão modelar de cidade turística, conforme se constata através de visitantes.
O secretário de Infraestrutura deve dar início a uma campanha de conscientização, evitando a punição através de multas, mas, a reincidência pode trazer problemas a quem insistir em jogar entulhos à margem das ruas.
Satisfeito por outro lado com a operação de recuperação da área urbana da cidade, Júlio Antonio de Moraes destaca a atenção do prefeito Gilmarzinho da Ecoplan para com os munícipes, buscando atender aos reclames com a mesma paciência com que os munícipes aguardam as ações do governo, reconhecendo que as máquinas e equipamentos ainda não estão em quantidade desejada. “Temos um prefeito que tem boa vontade e quer trabalhar, mas faltaria disponibilidade de recursos e equipamentos para atender ao interesse do próprio governante”, avalia Júlio Moraes.

ASCOM/PMN

Share on Google Plus

Assuntos Relacionados

0 comentários :

Postar um comentário

Deixe seu Comentario