Derrota de Anderson Silva decepciona e não bate meta de audiência do UFC

Nem tudo saiu como o esperado. Além da derrota surpreendente para Chris Weidman no último dia 6 de julho, Anderson Silva também não conseguiu bater a meta de audiência do UFC, que esperava atingir a venda de cerca de 800 mil pacotes de televisão.

Revelado nesta semana, o número total de pay-per-view chegou próximo de 550 mil o que, certamente, deve ter impactado na remuneração do brasileiro, estrela principal da edição 162 que, como campeão e astro do octógono, recebe participação na venda destes pacotes.

No entanto, o número foi superior ao da luta anterior de Spider, no UFC Rio 3, que atingiu apenas 410 mil pay-per-view para o duelo contra o americano Stephan Bonnar, que acabou nocauteado ainda no primeiro round.

O recorde de venda de pacotes de televisão do UFC ainda é da edição de número 158, quando o canadense Georges St-Pierre comprovou sua popularidade ao anotar a venda de quase um milhão de pay-per-view para o duelo contra o marrento Nick Diaz.


R7.com/esportes
Share on Google Plus

Assuntos Relacionados

0 comentários :

Postar um comentário

Deixe seu Comentario