Santos e São Paulo decepcionam torcidas na abertura da terceira rodada do Campeonato Brasileiro

O futebol paulista mostrou neste sábado (3) que continua mal das pernas e decepcionou as torcidas de São Paulo e de Santos, que levaram ótimos públicos ao Pacaembu e à Vila Belmiro para os confrontos contra Coritiba e Grêmio respectivamente.
Diante de mais de 30 mil tricolores, o São Paulo começou o jogo com Paulo Henrique Ganso no banco de reservas e até deu esperanças à torcida quando saiu na frente do placar com um belo gol de Alexandre Pato, aproveitando bate e rebate na zaga paranaense.
Depois que o meia entrou em campo, quando o jogo já estava empatado, o São Paulo se perdeu e levou a virada. A derrota só não veio e a decepção da torcida não foi total porque o jovem Ademílson, meio sem querer, acabou marcando um golaço nos minutos finais e decretando o 2 a 2.
Na Vila Belmiro, o empate entre Santos e Grêmio foi ainda mais frustrante. Se no Pacaembu a torcida, ao menos, teve quatro gols para assistir, na Baixada faltou gol, emoção e futebol.
O Peixe também entrou em campo sem seu camisa 10, Geuvânio, barrado por Oswaldo de Oliveira, agora adepto do volante Alan Santos.
Com Leandro Damião em mais uma jornada infeliz, o Peixe sofreu para criar chances e, mesmo tendo jogado mais do que o Tricolor gaúcho, não teve competência para balançar as redes.
No fim da partida, com Geuvânio e sem Damião, substituído, as vaias fizeram justiça a mais uma partida pouco inspirada dos vice-campeões paulistas.
Completando a abertura da rodada, o Cruzeiro mostrou futebol de campeão e, de virada, bateu o Atlético-PR por 3 a 2, em jogo que foi disputado no estádio Mané Garrincha, em Brasília.

Por: R7/esportes
Share on Google Plus

Assuntos Relacionados

0 comentários :

Postar um comentário

Deixe seu Comentario