Coveiro é suspenso de suas atividades após publicar no Whatsapp imagem dele ao lado de cadáver de homem morto há 23 anos

Um coveiro foi suspenso de suas atividades após publicar uma imagem dele com ao lado de um cadáver de um homem que morreu há 23 anos.
Celestino Reyna, de 55 anos, apareceu ao lado do cadáver de um parente, e a imagem foi publicada no Whatsapp, ganhando enorme repercussão.
A imagem foi parar nas redes sociais, onde foi amplamente compartilhada, fazendo com que Celestino fosse reconhecido.
“Nunca pensei que isso pudesse ter consequências tão graves, e eu não queria mostrar qualquer falta de respeito pelo meu tio,” disse a sobrinha do morto, que participou da captura da imagem.
Coveiro é suspenso de suas atividades após publicar no Whatsapp imagem dele ao lado de cadáver morto
O coveiro foi suspenso, mas não deve ser demitido de suas funções.
Fonte: Metro
Share on Google Plus

Assuntos Relacionados

0 comentários :

Postar um comentário

Deixe seu Comentario