Em poucas horas, cinco são presos com motos roubadas, insegurança aumenta

Em poucas horas, policiais militares do 9º Batalhão prenderam cinco suspeitos por receptação de motocicletas roubadas.

As prisões ocorreram entre a tarde e a noite de quarta-feira (29), em diversos bairros da Capital, durante abordagem de rotinas e barreiras móveis montadas para checagem de veículos e apreensão de armas.

No bairro Campos Elíseos, foi apreendida uma motocicleta Honda Titan prata, que estava estacionada em frente a uma oficina mecânica. 

O veículo foi visto durante uma barreira montada pelos policiais. Na checagem, os PMs descobriram que a moto tinha sido roubada recentemente.

O condutor da moto, R.S., de 23 anos, alegou que havia pego a moto em uma dívida com um amigo, que a repassou como forma de pagamento.

No Distrito Industrial, no pátio de um posto de combustível, outros policiais prenderam A.C.L., de 19 anos, e V. S., de 21 anos. Eles estavam com uma Yamaha XTZ vermelha parada em frente a uma loja de conveniência.

Na checagem, os policiais descobriram que a moto tinha sido roubada recentemente na região do Coxipó. Os dois afirmaram que desconheciam a irregularidade.

Tentativa de fuga

Outra moto roubada foi localizada no CPA II, quando policiais prenderam A.L.S., de 37 anos, que pilotava uma Honda Cargo branca.

Ao avistar a barreira da polícia, ele largou a moto e tentou fugir a pé pulando alguns telhados, mas acabou sendo cercado por vários policiais.

Aos policiais, ele disse que pegou a motocicleta de um rapaz conhecido como “Zezão”, morador do Tijucal, que pediu para vendê-la. 

Ele iria receber uma comissão pelo serviço. R.A., de 31 anos, que estava na garupa, também foi preso.

Os cinco presos sob suspeita de receptação foram levados para o Plantão Metropolitano da Capital, onde foram autuados e liberados após o pagamento de fiança.

Fonte: Midia News - Adilson Rosa
Share on Google Plus

Assuntos Relacionados

0 comentários :

Postar um comentário

Deixe seu Comentario