Pedreiro morre após pisar em armadilha montada pelo patrão

Terminou em tragédia a construção de uma armadilha - utilizando uma arma artesanal e uma corda - em uma empresa familiar do bairro Cristo Rei, em Várzea Grande.

O pedreiro F.Z.N., de 57 anos, morreu ao ser atingido por um tiro na perna esquerda, que acertou a veia femural.

O caso ocorreu na quarta-feira (17), por volta das 17h. A vítima morreu no local.

Segundo a Polícia Militar, o estabelecimento estava em reforma e o proprietário teria construído a armadilha porque sua empresa havia sido arrombada várias vezes.

Ele afirmou que estava cansado de tanto prejuízo e resolveu usar a armadilha para, ao menos, assustar os ladrões.

A vítima, um pedreiro que trabalhava na obra, teria passado pelo local e não percebeu que a armadilha estava armada. Após ter o pé preso na corda, a arma artesanal acabou disparando.

O delegado Antônio Carlos Araújo, de plantão na Delegacia de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP), esteve no local dando início às investigações.

Fonte: Midia News
Share on Google Plus

Assuntos Relacionados

0 comentários :

Postar um comentário

Deixe seu Comentario