Seduc registra 23 mil matrículas no primeiro dia

O primeiro dia de matrículas pela internet na rede estadual de ensino registrou 23.409 solicitações para o ingresso de novos alunos. Estão sendo ofertadas 99.909 vagas em 500 unidades escolares cadastradas no sistema web. 

Com isso, ainda existem 76.500 vagas disponíveis. As matrículas continuam até às 18h da quarta-feira (21.01). Este ano, pela primeira vez, as matrículas em 500 unidades escolares estão sendo feitas pela internet. Equipes técnicas estão monitorando o sistema com o objetivo de evitar um maior número de reclamações. 

A Secretaria de Estado de Educação (Seduc) oferece um call center para o atendimento aos alunos ou responsáveis que tenham dúvidas de como proceder no processo da matrícula web. Estão disponíveis os telefones 0800 65 1717 e 3613-6393 das 8h às 12h e das 14h às 18h. 

A página da Secretaria foi direcionada exclusivamente para a solicitação de matrículas a fim de dar mais agilidade aos usuários. Todas as escolas que estão participando deste processo estão relacionadas no site da Seduc. 

Após selecionar a escola, o cidadão tem conhecimento se existe a vaga para a série desejada. O secretário de Políticas Educacionais, Gilberto Fraga, explicou que há unidades que são mais procuradas, porém, não deve faltar vagas na rede de ensino estadual. 

Em algumas escolas, dependendo da série desejada não existe mais vaga. A orientação é procurar outra unidade próxima da casa do estudante. No primeiro dia de matrícula, o sistema comportou a demanda e, em até dois minutos, foi possível concluir o processo de solicitação da matrícula para aqueles já cadastrados no sistema. 

O sistema de cadastro está disponível no site da Seduc desde o 24 de novembro de 2014. No ano passado, apenas oito escolas foram habilitadas para a matrícula web. “O novo sistema tem como objetivo democratizar o acesso à escola. Estamos evitando as longas filas e, antes, mesmo esperando a pessoa não tinha a certeza de encontrar a vaga na escola que desejava. Agora, se não der certo em uma escola, pelo sistema pode direcionar para outra unidade escolar”, afirma Fraga.


Fonte: Midia News
Share on Google Plus

Assuntos Relacionados

0 comentários :

Postar um comentário

Deixe seu Comentario