Avião é usado para tentar apagar incêndio na região da Lagoa Azul

Uma equipe de bombeiros tenta controlar um incêndio no Parque Estadual Gruta da Lagoa Azul, na região de Nobres, a 151 km de Cuiabá. De acordo com a Secretaria de Estado de Meio Ambiente de Mato Grosso (Sema-MT), o fogo, que seria criminoso, foi identificado na quarta-feira (19). 

O parque tem 12 mil hectares e fica em uma região montanhosa. A área afetada não foi calculada.

O trabalho de combate ao incêndio continua nesta sexta-feira (21). Inicialmente os bombeiros fizeram um sobrevoo na quarta-feira para fazer o reconhecimento dos focos de incêndio no parque. 

Nesse sobrevoo os militares identificaram pessoas no entorno do parque que estariam ateando fogo na área. No entanto, não foi possível fazer a prisão dos suspeitos.

Já na quinta-feira (20) uma equipe de militares usou o avião do Batalhão de Emergências Especiais (BEA) para despejar aproximadamente 3,1 mil litros de água na área afetada. Outra equipe em terra usou 5,7 mil livros de água para conter o incêndio.

Segundo o tenente-coronel Paulo André Barroso, comandante do BEA, o local é de difícil acesso e, por isso, foi solicitado apoio de mais uma aeronave e de um helicóptero do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer).

A preocupação dos bombeiros é não deixar que o fogo tome grandes proporções e acabe repetindo o ‘episódio’ de agosto de 2009, quando um incêndio destruiu 80% do parque. Além disso, também existem riscos para moradores que vivem em assentamentos pertos do parque.

O parque

O Parque Estadual Gruta da Lagoa Azul (Pegla) está localizado no município de Nobres, no Assentamento Rural Coqueiral/Quebó, na região Médio-Norte do Estado. Com mais de 12 mil hectares, o local é considerado um santuário ecológico que recebe todos os dias centenas de turistas que estão à procura de mergulhos em cavernas.

Fonte: G1 MT
Share on Google Plus

Assuntos Relacionados

0 comentários :

Postar um comentário

Deixe seu Comentario