Detento que escapou de hospital é pego tentando fugir de MT

A Polícia Civil prendeu o fugitivo Vanilton Roque Tomasi Júnior, de 26 anos na noite de sexta-feira (07), no Posto Locatelli, saída de Cuiabá para Rondonópolis. Ele é presidiário, estava internado em um hospital de Várzea Grande, mas foi resgatado por comparsas no último dia 28.

De acordo com as informações, desde a fuga a inteligência da Polícia Civil vem realizando um trabalho de colheita de dados, até que, no final da tarde de sexta, tiveram conhecimento de que ele estaria com seus comparsas no posto Locatelli, com a intenção de fugir do Estado.

Policiais da Gerência de Operações Especiais (GOE) se mobilizaram e foram até o posto, onde ficaram em campana por cerca de 2h, até que encontraram o suspeito e fizeram a abordagem.

Aos policiais, Vanilton confirmou que estava se preparando para fugir rumo a Campo Grande (MS).

Ele e três homens, que estavam dando apoio, foram presos e encaminhados para o Cisc.

Na abordagem. Vanilton ainda apresentou um documento falso e tinha ainda, contra ele, um mandado de prisão em aberto.

Após o flagrante o presidiário foi encaminhado para a Polinter.

Fuga

No dia 28 de setembro, um homem armado invadiu o hospital e maternidade Santa Rita, em Várzea Grande, onde Vanilton estava internado após uma cirurgia de pedras na vesícula.

O fugitivo cumpria pena na Penitenciária Central do Estado (PCE) pelos crimes de roubo, homicídio e tráfico de drogas.

O homem armado, que ainda não foi identificado, rendeu os agentes penitenciários, que faziam a escolta do detento.

Em seguida, eles fugiram pelos corredores da unidade de saúde até que entraram em um carro que estava na porta do hospital.

Alta periculosidade

Essa não é a primeira vez que Vanilton foge da prisão.

Em 2011, ele e outros 27 detentos escaparam do presídio Osvaldo Florentino, o "Ferrugem", em Sinop (500 km ao Norte de Cuiabá).

Naquela época, ele havia sido preso pelo assassinato de Vanderlei Rodrigues da Silva e pela tentativa de homicídio contra Júlio Cesar Inácio da Silva.

Vanilton foi recapturado em abril de 2012 e, meses depois, acabou condenado a 23 anos e 4 meses de prisão.

Já em 2013, ele foi condenado a mais 2 anos por tráfico de drogas.

Vanilton ainda é investigado por latrocínio na região de Diamantino (188 km de Cuiabá).

Fonte: Mídia News
Share on Google Plus

Assuntos Relacionados

0 comentários :

Postar um comentário

Deixe seu Comentario