COVID-19: Reunião de interesse público se torna secreta em Nobres


Depois da China, Nobres é o segundo local do mundo em que se faz reuniões secretas para definir estratégias de combate ao novo coronavírus (COVID-19). O determinado comitê municipal de enfretamento contra o coronavírus não tem sido nada transparente desde sua criação, onde “empurra” para a imprensa local qualquer informação e ainda esperam que seja publicado.

Na tarde de sexta-feira (27/03), o comitê mostrou mais uma vez seu autoritarismo e praticamente expulsou os jornalistas que compareceram para acompanhar a reunião, que estava acontecendo na sala de auditório do SCFV (serviço de convivência e fortalecimento de vínculos).

Em primeiro instante, a informação repassada aos jornalistas, seria que a promotora de justiça, Rhyzea Cavalcanti, teria pedido para que os jornalistas se retirassem da reunião. Porém questionada, a promotora negou que tenha feito tal pedido.

Mas quem teria interesse para que a imprensa não participasse da reunião? Pois se tratando de um comitê, as decisões são tomadas em conjunto, ou no mínimo pela maioria, e pelo visto o assunto sobre a retirada dos jornalistas não foi colocado em pauta.

Sendo assim, aqui fica outro questionamento! O comitê teria alguma informação de casos suspeitos de coronavírus em Nobres e estaria segurando a informação? O que causa mais estranheza seria o Ministério Público não questionar o porquê jornalistas foram “expulsos” da reunião.

Share on Google Plus

Assuntos Relacionados

0 comentários :

Postar um comentário

Deixe seu Comentario